Universo Talysma Bordados
Product ID: 2624
New In stock
Patch Bordado Airsoft Mira Sniper Não Adianta Correr DV80593-119

Patch Bordado Airsoft Mira Sniper Não Adianta Correr DV80593-119

Destaque
Referência: DV80593
Carregando...

 

PATCH  UNIVERSO TALYSMÃ BORDADOS

 

Altura: 8 cm

Largura: 6 cm

 

PATCH BORDADO DIFERENTE E ÚNICO PARA COLEÇÃO OU PERSONALIZAÇÃO DE ROUPAS E ACESSÓRIOS.

 

Escolha entre os acabamentos Liso, Termocolante, Fixador marca VELCRO® ou Chaveiro!

Liso: o patch bordado é enviado sem método de fixação, ideal para ser costurado diretamente nas peças de roupa;

Fixador marca VELCRO ®: o patch bordado é enviado com a parte áspera do fixador (gancho) já costurada, enquanto a parte macia (fêmea) é enviada avulsa para ser costurada na peça de roupa ou acessório desejado;

Termocolante: o patch bordado é enviado com filme termocolante no verso para ser aplicado com calor nas peças de roupa ou acessórios, conforme descrito abaixo.

Chaveiro: o patch bordado é enviado em forma de chaveiro! Os ilhós utilizados são niquelados para prevenção à ferrugem e oxidação. O verso do bordado possui acabamento em nylon preto liso. Acompanha argola.

 

Material de alta qualidade: Patch bordado produzido com linhas 100% poliéster de uma das mais conceituadas e melhores marcas disponíveis no mercado, garantindo a melhor definição, brilho e cor que o bordado pode ter. É feito sobre tecido Nylon Premium, assegurando elevada conservação e longevidade.  

 

Resistente às lavagens e ao desbotamento: Produzido com Nylon de alta qualidade, é bordado com fios de poliéster de alto brilho e proteção contra desbotamento. Não é danificado por conta da chuva, e pode ser lavado normalmente.

 

Termocolante: Acabamento Termocolante é indicado para aplicação e personalização em roupas e acessórios com ferro de passar roupas caseiro ou prensas térmicas. O envio é acompanhado de manual de instruções para aplicação. O bordado aplicado corretamente tem durabilidade por tempo indeterminado, mesmo com sucessivas e periódicas lavagens. O sistema FUSING é conhecido e aplicado mundialmente por sua facilidade, rapidez e segurança. Os bordados podem ser aplicados sobre tecidos naturais ou sintéticos, exceto aqueles impermeáveis, tratados com silicone ou similar antiaderente. Vale dizer, aplica bem em malhas de algodão, poliéster, moletons e afins. NÃO APLICA em couro e suas variações, tecidos emborrachados, impermeáveis (tecidos que não deixam passar água), sensíveis ao calor, dentre outros com tratamento específico.

 

Filme termocolante importado: Com objetivo de garantir melhor aderência, durabilidade e resistência às sucessivas lavagens, trabalhamos apenas com filme termocolante importado.

 

ATENÇÃO: As fotos dos bordados representam imagens originais de produtos TALYSMÃ BORDADOS, não sendo meras reproduções virtuais feitas por programa de computador. Dessa forma, estão protegidas pelos DIREITOS DE IMAGEM e AUTOR dispostos na legislação brasileira. QUAISQUER REPRODUÇÕES não autorizadas estão sujeitas às medidas penais e cíveis cabíveis.

OBS: Os valores de altura e largura podem ter variação de até 2 milímetros (0,2 cm) para mais ou para menos

Deixe seu comentário e sua avaliação







- Máximo de 512 caracteres.

Clique para Avaliar


  • Avaliação:
Enviar
Faça seu login e comente.

Características



    Top 5 melhores (e mais letais) Snipers da história

     

    Snipers são uma raça especial, guerreiros com uma combinação de habilidades de tiro, astúcia e paciência. A história militar mostrou que um único atirador no lugar certo, na hora certa, pode mudar o rumo da batalha, mesmo diante de adversidades esmagadoras.

     

    Mortes confirmadas: abates realizados por um sniper na presença de um oficial, o qual atesta a veracidade e precisão do tiro realizado

     

    1º - Simo Häyhä, Segundo Tenente do Exército Finlandês

     

    Apelidado de "Morte Branca", Simo Häyhä registrou 505 mortes confirmadas, de longe a maior contagem de qualquer grande guerra. Todas as mortes de combatentes do Exército Vermelho (da antiga União Soviética) por Häyhä foram realizadas em menos de 100 dias - uma média de pouco mais de cinco mortes por dia - em uma época do ano com poucas horas de luz do dia. Ele foi ferido no final da guerra quando uma bala explosiva disparada por um soldado soviético tirou sua mandíbula inferior esquerda. Ele viveu uma vida longa, vindo a falecer em uma casa de repouso de veteranos em 2002, com a idade de 96 anos.

     

    Quando questionado se se arrependia de ter matado tantas pessoas, respondeu: "Eu só cumpri o meu dever e o que me disseram para fazer, da melhor maneira que pude."

     

    2º - Chris Kyle, Suboficial da Marinha dos EUA

     

    O SEAL da Marinha, Chris Kyle, serviu quatro vezes durante a Guerra do Iraque, e durante esse tempo tornou-se o atirador de elite mais letal na história militar dos EUA, com mais de 160 mortes confirmadas oficialmente pelo Departamento de Defesa americano. O livro best seller de Kyle, American Sniper, foi transformado em um filme dirigido por Clint Eastwood e estrelado por Bradley Cooper como Kyle.

     

    Em 2 de fevereiro de 2013, Kyle foi morto a tiros em um campo de tiro perto de Chalk Mountain, Texas, juntamente com seu amigo, Chad Littlefield. O agressor, Eddie Ray Routh, foi considerado culpado de assassinato e condenado à prisão perpétua sem liberdade condicional.

     

    3º - Adelbert Waldron, Sargento do Exército dos EUA

     

    Como membro da 9ª Divisão de Infantaria, ele foi designado para servir junto aos barcos da PBR (equipes de patrulhamento náutico) no Delta do Rio Mekong (sudeste asiático). Em determinado momento de seu tempo em missão, efetuou um disparo a pouco mais de 800 metros de distância de um barco em movimento, atingindo com sucesso o alvo inimigo, uma das mais notáveis mortes já confirmadas.

    Seu recorde foi de 109 mortes confirmadas em apenas 8 meses, recorde o qual Chris Kyle (2º colocado da lista) quebrou durante a Guerra do Iraque. Apesar disso, seus índices continuam sendo mais notáveis, considerando que ele estava lutando em um denso ambiente de selva, que nem sempre fornecia linhas de visão abertas e fáceis.

     

    4º - Chuck Mawhinney, Sargento do Corpo de Fuzileiros Navais dos EUA

     

    Chuck Mawhinney serviu de 1967 a 1970 no Corpo de Fuzileiros Navais. De acordo com um artigo dos anos 2000 do Los Angeles Times, ele passou 16 meses no Vietnã. Nos 16 meses em serviço, bateu o recorde de abates da corporação, sendo 103 confirmadas e 216 prováveis (não confirmadas). Depois de deixar o Corpo de Fuzileiros Navais, ele trabalhou no Serviço Florestal dos Estados Unidos.

     

    A juventude de Mawhinney foi marcada por muitas horas de caça, e ele escolheu especificamente se alistas aos fuzileiros navais porque eles permitiram que ele atrasasse sua entrada no serviço militar até depois da estação de caça dos cervos. Algum recrutador da Marinha acertou em cheio nessa decisão.

     

    5º - Carlos Norman Hathcock, Sargento de Artilharia dos Fuzileiros Navais dos EUA

     

    Durante a Guerra do Vietnã, Hathcock teve 93 mortes "confirmadas" do Exército do Vietnã do Norte e do pessoal do Vietcongue. Ele estimou o número de mortes "não confirmadas" para mais de 400. Sua carreira de combate terminou quando ele foi ferido por uma mina antitanque em 1969 e mandado para casa. Mais tarde ele ajudou a fundar a USMC Sniper School.

     

    Fontes: 

    https://www.businessinsider.com/five-of-the-best-snipers-of-all-time-2017-5

    https://en.wikipedia.org/wiki/Chuck_Mawhinney